SNC #30 - Halloween, Sacis e Coisas que Podem te Matar




Olá ouvintes sobrenaturais e bem-vindos de volta ao Som no Caixão Edição Especial, um podcast sobre bandas, artistas e álbuns que fogem de crucifixo e morrem com balas de prata. Em nosso episódio n° 30 serão os ouvintes a fazer o podcast e escolher as músicas do especial e o tema é Halloween.

Ouça acima (ou também no fim deste post) e veja como fazer para ouvir o episódio direto do navegador ou baixar para teu smartphone ou MP3 player, caso você já não tenha dado um jeito de descobrir sozinho. Afinal, meus ouvintes já são acima do padrão normal de inteligência só por virem aqui.



CLIQUE ABAIXO PARA OUVIR O EPISÓDIO

Duração:
01:50:28 minutos

Tamanho do download: 113,9 mb
Faça o download em MP3
Faça o download em ZIP

LINKS RELACIONADOS AO EPISÓDIO

SOM NO CAIXÂO NAS REDES SOCIAIS

E-MAIL
Gostou ou gosta de ouvir o Som no Caixão? Então, cambada de desgramados, escrevam para pensadorlouco@gmail.com e mantenham este podcast
morto-vivo.

 
COMO OUVIR ESTE PODCAST
Basta
clicar com o mouse no play para ouvir direto no navegador.

Para baixar para teu computador em qualquer formato disponível, clique no link com o botão direito e escolha “Salvar link como”. Você pode baixar o podcast em MP3, Ogg Vorbis, Zip ou Torrent.


OU CLIQUE PRA BAIXAR NESTES FORMATOS
MP3 Ogg Vorbis Zip Torrent

18 comentários:

  1. Rogério B de Miranda26 de outubro de 2014 13:45

    Kraiiiii O que dizer desse episódio? PHODDAAAAA!!!! Assim mesmo. Com PH de Pharmacia, DD de Toddy e 5A de Araraquara!!!! Ótimas escolhas de todos os participantes.
    Concordo que a patroa tem razão e pode tudo rs 2 músicas para ela... Achei falta da escolha de Lilith, duvido que não tenha uma música que ela cantarole ou balance a cabeça ou gire a cabeça ao contrário ao ouvir rs.
    Abração véi... Em 2015 irei a sua terra e vamos gravar um episódio juntos, topas? O que achas?

    ResponderExcluir
  2. Que bom que gostou, ser que se arrasta!

    Deu um trabalho do cão juntar todos os pedidos e editar, mas valeu a pena. Quanto a tua vinda, será bem mais do que bem vinda!

    Gravaremos um episódio juntos sim e será igualmente épico! Por via das dúvidas, já estou estocando cerva, hidromel e pernis de basiliscos desde já! 8)

    ResponderExcluir
  3. Que episódio foda pensador, um dos melhores com certeza. Rosemary`s baby estava entre minhas 5 para este especial, muito boa escolha da sua patroa.

    Obrigado pela oportunidade de participar do episódio, e fazer parte deste podcast fodaassstico.

    Abração a todos .

    ResponderExcluir
  4. Meu amigo, que episodio épico, foda e sinistramente perfeito! Merece ganhar um album de platina, todos os Oscars ou até mesmo uma jujuba. Escutei enquanto arrastava uns eleitores da tia dilma e outros do corno do aecio pelas correntes para a casa do Pinhead.

    Escolhas de musicas incrivelmente fodasticas, mas quero fazer uma menção as escolhas de músicas dos participantes, como a sua, a da Bad Jokers, o do cara lá da Pensilvania que me esqueci o nome e o do colega Roger! E claro, agradecer tbm a todos pela excelente escolha! Mais uma playlist para meu celular!

    Continue fazendo esse trabalho mega foda! E qual vai ser o proximo especial?
    Abs!
    o/

    ResponderExcluir
  5. Caio,

    Eu é que devo agradecer a você (que sempre dá uma puta força participando, opinando e divulgando) e a todos os ouvintes que ajudaram na escolha. Este sim foi um episódio anárquico: cada um escolhendo um som independente de estilo ou proveniência. Foi o que gostei mais de fazer até agora, e devo tudo isso a você e a todos que fizeram parte.

    Grande abraço e roquenrou na véia! 8)

    ResponderExcluir
  6. Aliás, se Lilith ou Angel fossem escolher músicas nós teríamos toda uma playlist baseada somente em Monster High! Horror! 8)

    ResponderExcluir
  7. Wendell,

    Receber esse fidibéqui teu foi um dos mais importantes que recebi. Você foi uma das forças motrizes a me ajudar (principalmente nas broncas técnicas para se lançar um podcast) quando eu estava começando, e te serei sempre eternamente grato por isso. Agradeço muito que tenha gostado.

    Quanto a levar eleitores pra terra do Pinhead, me deixou pensando se toda essa máquina política não seria no fundo uma Configuração de Lamentos (a "caixa" do Hellraiser) a torturar os brasileiros, porque é puro sofrimento ver em quê se transformaram as eleições.

    Quanto às escolhas, todas foram muito boas e foi incrível ver a diversidade cultural influenciando nas decisões de cada um. Nem todas as músicas eram completamente aterrorizantes ou esporrentas, prova de que o tema de horror e sobrenatural não depende de estilo.

    Você escolheu a única nacional do especial, mas tenho que te confessar que minha escolha quase foi "Salem - A Cidade das Bruxas" da imortal banda oitentista Harppia. Muito som, mas acabou perdendo proque a intro de Night of the Demon é induperável.

    Ernie matou a pau com sua escolha estilo "terrir cult" e Bad Jokers & Roger pegaram músicas realmente pancada e atemorizantes! Deve ter sido terrível para os não iniciados nesses gêneros levar uma lapada dessas durante o episódio.

    Wendell, brigadaço por continuar ouvindo e participando, você é broder pra todo o sempre. Sobre o próximo especial, sem piadas, provavelmente será uma playlist como esta, feita por ouvintes mas com o tema das melhores músicas falando de séquiço. Putaria sonora tão intensa que os ouvintes precisarão plastificar as orelhas antes de ouvir o cast.

    Abração e bom ralouín! 8)

    ResponderExcluir
  8. Rogério B de Miranda27 de outubro de 2014 05:31

    Valeu. Que bom que gostou Wendell. Música polonesa, cantada em polonês é raro de se ouvir por aqui rs. Realmente a da Bad Jokers tb foi ótima.... Aliás eu tb vou colocar no meu celular hehehe...

    ResponderExcluir
  9. Cara, Rosemary's Baby pelo Fantômas (tomas onde mesmo?) é um toque de celular apocalíptico, e causa desespero em qualquer um a volta.

    Aliás, Roger e Wendell, eu menti mais acima quando te respondi que se Lilith escolhesse uma música ela seria o tema de Monster High. Como o fruto nunca cai muito longe da árvore, minha filha descobriu semana passada uma banda de death metal japonesa que mistura música teen e tokusatsus, e ouve no mínimo dez vezes por dia. Saquem só! 8)

    https://www.youtube.com/watch?v=cK3NMZAUKGw

    ResponderExcluir
  10. Faaala Pensador !

    Episódio espetacular e estou orgulhoso de ter participado
    dele. Escolhas excelentes de todos os participantes. Pirei nessa Rosemary`s Baby.
    Sensacional. O som escolhido pelo Roger é bem a cara do programa. Acho que
    nunca tinha ouvido uma banda polonesa. Muito boa. A sua escolha abriu muito bem
    o episódio e curti pra caramba Queen, Primus, Massacration, Mutton Birds... enfim,
    programa todo bom.

    Valeu mais uma vez pelo convite e sempre que rolar um
    especial com participações, tamos aí.

    Abraço .

    ResponderExcluir
  11. Rogério B de Miranda28 de outubro de 2014 08:43

    Isso sim é banda teen rs
    Show!!!! Ótimo gosto da pimpolha...

    ResponderExcluir
  12. É por isso que acho o Som no Caixão o melhor podcast da galaxia, além de ser o unico que escuto regularmente. Apresentação de musica boa, excelente proposta e conhecimento absurdo de musica. Esses tipos de especiais enriquecem e nostalgiam a nossa cultura! o/

    ResponderExcluir
  13. Rapaz...já conhecia a Baby Metal....não curto não...o som é pancada mas não sei...acho muito..sei la...


    Mas mudando de assunto...não vi ainda nenhum comentário do @alexcarvalho....será que ele ainda tá com mimimi ou está arrependido de não ter participado? o/

    ResponderExcluir
  14. Hahahahaha, o que mais ajudou foi que a(s) cantora(s) se vestem exatamente como a Draculaura de Monster High.


    Ela fica até imitando as coreografias. Considero que essa seja a versão das novas gerações pra quando nós tocávamos guitarras imaginárias! 8)

    ResponderExcluir
  15. Wendell, acho Baby Metal válida mas não pelos motivos que você imagina. Tudo bem, ela é uma banda projetada como produto (as meninas baby gothic dançando, os gestos de seriado japonês, etc.) mas, ao mesmo tempo, ela consegue um serviço muito benéfico.


    Afinal, bandas assim estão ajudando a popularizar entre as crianças a chance de ouvir outros estilos que não os massificados do pop, R&B farofa (e funk carioca, sertanejo universiário e por aí vai no Brasil). Se há algo de bom nisso, é que as crianças já crescem com mais tolerância a ritmos e são mais propícias a continuar ouvindo rock (e rock pesado) quando crescerem sem torcer a cara.


    Uma ótima forma de democratizar gostos musicais, e as respeito por isso. Na minha geração (a do Roger também) a bizarrice musical que encantava crianças era Zig Zig Sputnik (que também era um produto construído igual a Baby Metal) e gerou muito ouvintes que hoje ouvem goth, rock, trash, death e por aí vai.


    Abração. 8)

    ResponderExcluir
  16. [esqueci de incluir]
    Cara, até tentei achar o Alex por esses dias mas acho que ele está ocupado. Ele compartilhou o link no twitter, mas não passou pra dar pitaco. Espero que esteja tudo ok com ele, e não tenha ficado sentido com as piadas que fiz dele. 8)

    ResponderExcluir
  17. Broder, não fala isso. Eu sou tão amador que, ao ouvir outros casts profissionais (como o teu, que era fantástico), me dá uma raiva de ainda não chegar nem na sombra.


    Mas agradeço pra cacete a preferência, nãao sou dos melhores mas certamente sou dos mais esporrentos em termos de música, hahahahaha.


    Quanto aos especiais, realmente o novo formato ficou melhor e será o que vale daqui em diante. Realmente é uma honra receber esse fidibéqui teu, que é um cara que eu respeito aos bornotões. 8)

    ResponderExcluir
  18. Mestre Marc,


    Muito obrigado por participar (Killer Barbies matou a pau) e por comentar, ajudar a divulgar e tra-lá-lá. Teu cast é um que respeito muito, principalmente pela irreverência e boas opiniões, e conheci muitas bandas novas (pra mim) através dele.


    A música do Roger foi espancadora mesmo. Já conhecia alguns sons da Polônia mas não esse, e foi a cara do episódio mesmo. A versão de Rosemay's Baby pelo Fantômas é coisa de exorcizar padre, e por isso essa banda será sempre uma de minhas preferidas.


    E pode deixar, você será devidamente intimado daqui pra frente. 8)

    ResponderExcluir